Revistas

HemiPress tem periódicos, incluindo emisférica, Dancing While Black, e nossa última série [ConTactos]. Estas revistas dinâmicas, multilíngües e imersivas são amplamente divulgadas e oferecem discussões urgentes nas Américas.

[ConTactos]

À medida que comunidades em todo o mundo sucumbem à pandemia do COVID-19, muitos de nós nos vemos em um vínculo exasperante entre nosso desejo de intervir, de fazer algo em face da atual catástrofe de saúde / médica / política / econômica / cultural / de direitos humanos, e a aparente impossibilidade de fazê-lo em meio a um enclausuramento global que impede os modos de contato dos quais dependem muitas de nossas capacidades para intervir. Nesse período de proximidades perigosas, a HemiPress, a editora do Instituto Hemisférico, publica reflexões críticas de importantes teóricos, ativistas e artistas que se engajam em deliberações significativas sobre as urgências provocadas pela calamidade atual. [ConTactos] apresenta textos curtos que capturam o poder, revelam desigualdades e violência e modelam proximidades alternativas para o presente e o futuro.

emisférica

emisférica é a revista acadêmica trilíngue online do Instituto Hemisférico. As edições da revista enfocam em áreas específicas de investigação no estudo da performance e da política nas Américas. A revista publica ensaios acadêmicos, apresentações multimídia de artistas, intervenções ativistas e traduções, assim como resenhas de livros, performances e filmes. Seus idiomas são inglês, espanhol e português.

Dançando sendo negro: corpos negros / caixas brancas
Produzido por Angela's Pulse

Depois de dois anos de sonho, reflexão, conversas, estratégias e pesquisa, Angela’s Pulse vislumbrou a criação de uma revista digital dedicada às vozes e visões dos artistas da dança negra. Dançando sendo negro: corpos negros / caixas brancas (2019) é o esforço colaborativo de 33 autores, editores, artistas, assessores e designers. Mantendo intencionalmente a negritude no centro da análise, a revista explora temas relacionados com os corpos negros, o espaço negro e os cenários brancos.